Bem Vindo !

Bem Vindo !
Fique à Vontade

Bem Vindos !

Bem Vindos !

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Comer Muito


Comer bem não significa comer muito


Profª Isabel do Carmo, Núcleo de Doenças do Comportamento Alimentar (NDCA)


Data: 2008-07-05


Uma alimentação equilibrada é vital à manutenção de um corpo saudável. Os alimentos são compostos por diversos elementos, sendo especialmente ricos em alguns deles. Há, portanto, que consumir a maior variedade possível, para fornecer ao organismo essas substâncias essenciais. Fique a conhecer a roda dos alimentos e seguir uma prática nutricional saudável. Roda dos Alimentos Comer bem não significa comer muito, significa comer de forma inteligente e saudável. Nesse sentido, a selecção dos alimentos a figurar na nossa alimentação diária deve ser feita a partir de uma grande variedade de alimentos. Para facilitar a sua escolha, existem directrizes, como a Roda dos Alimentos, que têm como principal objectivo, educar o grande público e ajudá-lo a seguir uma prática nutricional saudável. Nesta roda, os alimentos encontram-se divididos em cinco grupos, cada um formado por alimentos de constituição semelhante. Composição e peso que cada grupo deve ter na nossa alimentaçãoGrupo I - 15% - Leite e derivados proteicos: É um grupo fundamental durante toda a fase de crescimento. São excelentes fontes de proteínas, vitaminas e cálcio. No entanto, não se esqueça, que os lacticínios são fontes de gordura saturada. Grupo II - 10% - Carne, peixe, ovos e marisco: Para além de serem ricos em proteínas, os alimentos deste grupo são bons fornecedores de vitaminas, ferro, iodo e selénio. Não se esqueça, que as gorduras saturadas presentes principalmente na carne e na gema do ovo, podem provocar um aumento dos níveis de colesterol no sangue. Grupo III - 5% - Gorduras e óleos alimentares: São fornecedores de energia, e ricos em vitaminas A, D e E. As gorduras ricas em polinsaturados fornecem os ácidos gordos essenciais. Prefira os óleos vegetais e os cremes vegetais para barrar. Grupo IV - 30% - Cereais e derivados, leguminosas secas: Numa alimentação equilibrada, são os principais fornecedores de energia. São ricos em vitaminas do complexo B, ferro e fibras. Os cereais pouco refinados e as leguminosas, melhoram as funções intestinais. Grupo V - 40% - Produtos hortícolas e frutos: Os alimentos deste grupo devem estar presentes, em grande quantidade, na nossa alimentação diária. São ricos em vitaminas, minerais e fibras; pobres em calorias e gorduras. Se está a controlar o peso, estes alimentos podem dar uma contribuição importante.Para mais informações visite o site do NDCA: www.comportamentoalimentar.pt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preparem no deserto o caminho do Senhor; O Senhor Deus vem aí, cheio de força e pronto para reinar.Isaías 40, 3.10
Bem vindo ao Arco Iris de Sabores, ficarei muito feliz com seus cometários e críticas, estarei aprendendo com vocês, porque como cozinheira sou uma ótima crocheteira.